sexta-feira , 25 de setembro de 2020
Home / Blog / Estudo comprova que suco de uva servido na merenda de escolas do Sul do Brasil está livre de toxina

Estudo comprova que suco de uva servido na merenda de escolas do Sul do Brasil está livre de toxina

UvasCada vez mais os especialistas recomendam que os pais fiquem atentos à alimentação de seus filhos. Com o corre-corre da vida moderna, as crianças passaram a se alimentar mal, o que tem influenciado diretamente em seu desenvolvimento e causado um importante problema de saúde pública: a obesidade infantil. Por isso, pediatras são enfáticos a recomendar que, por exemplo, o refrigerante seja substituído por sucos naturais.

Exemplos a serem seguidos são os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, onde o suco de uva – rico em substâncias antioxidantes, benéficas à saúde – foi incluído nas refeições das escolas públicas. Mas o melhor é que, além de mais saudável, é oferecido aos alunos totalmente livre de toxinas.  A bebida tem sido produzida por pequenas vinícolas que utilizam o método de arraste a vapor. A técnica apresenta uma particularidade em relação aos demais métodos de produção do suco, pois as uvas não são maceradas (esmagadas) para a extração do mosto.

Esse tema foi objeto de um estudo desenvolvido pelos pesquisadores Bruna Dachery, Vitor Manfroi e Juliane Elisa Welke, do Instituto de Ciência e Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e publicado na revista Ciência Rural. O trabalho resultou na publicação do artigo “Exposição à ocratoxina A através do consumo de sucos de uva produzidos pelo método de destilação a vapor e destinados para a merenda escolar”.

De acordo com a publicação, a maceração das uvas é a principal etapa relacionada à contaminação dos sucos com uma toxina produzida por fungos chamada ocratoxina A (OTA), que apresenta efeitos sobre os rins e também deprime o sistema imunológico. Nenhuma amostra de suco produzido por arraste a vapor apresentou níveis detectáveis de OTA. Esse resultado evidenciou a qualidade adequada do suco produzido por esse método de extração e fornecido para a alimentação escolar.

O artigo completo está disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782016001001868

Leandro Rocha (4toques comunicação)

leandro@4toques.com.br

Sobre Leandro Rocha

Veja também

Fabrica_artigo ABEC

Os benefícios do lean manufacturing em empresas de médio porte

  Você sabe o que é lean manufacturing? A prática, criada no Japão e aplicada ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

//analytics natashaprimati@gmail //analytics natasha@abecbrasil