quarta-feira , 22 de maio de 2019
Home / Blog / Estudo verifica eficácia de triagens de transtornos mentais na população

Estudo verifica eficácia de triagens de transtornos mentais na população

Doctors record patient dataAtualmente, existem alguns instrumentos de triagem para detectar transtornos mentais específicos. Alguns deles, por exemplo, são questionários pré-estabelecidos, que buscam compreender a vida e os hábitos dos entrevistados.

Assim, os autores Lívia Maria Bolsoni, Leonardo Moscovici, João Mazzoncini de Azevedo Marques e Antonio Waldo Zuardi elaboraram o estudo “A compilação de triagem de transtornos mentais específicos pode detectar transtornos mentais gerais”, publicado na Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, v. 13, n. 40, de 2018, periódico associado da ABEC.

O estudo busca avaliar se um compilado breve de instrumentos de triagem para transtornos mentais específicos pode detectar transtornos mentais e emocionais na população geral. Para isso, foram entrevistadas 545 pessoas, com questionários específicos (alguns voltados para pacientes com sintomas de ansiedade, psicose e problemas alcoólicos). Depois, 230 destes passaram por outras entrevistas, com outros métodos de triagem (com perguntas de avaliação do transtorno mental, capacidade física e sentimental).

Os autores concluem que a administração conjunta dos instrumentos de triagem para transtornos específicos mostrou leve variação na sensibilidade e na especificidade dos resultados. Portanto, um compilado breve de instrumentos de rastreio para transtornos mentais pode, sim, detectar transtornos mentais e emocionais na população geral.

O artigo completo pode ser lido, em inglês, em https://goo.gl/F9kJGq, ou pelo DOI https://doi.org/10.5712/rbmfc13(40)1685.

Tadeu Nunes (4toques comunicação)
comunicacao@abecbrasil.org.br

Sobre Leandro Rocha

Veja também

56

A indústria 4.0 no Brasil: os exemplos de Alemanha e EUA para o avanço

Atualmente, muito se fala no conceito de indústria 4.0. Este é um termo utilizado para ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

//analytics natashaprimati@gmail //analytics natasha@abecbrasil