domingo , 24 de outubro de 2021
Home / Blog / Estudo aborda a importância da ecologia urbana para o controle de animais domésticos

Estudo aborda a importância da ecologia urbana para o controle de animais domésticos

Group of cute street cats and kittensDenúncias de maus tratos de animais domésticos são comuns nos noticiários locais de grandes centros urbanos. Logo, as taxas de abandono tendem a ser altas. E isso acaba se tornando um contratempo a ser resolvido. Além disso, os bichos podem causar danos ao meio ambiente, problemas de saúde em humanos e poluição visual.

Neste contexto, os autores Katiana Barbosa de Arruda, Gil Dutra Furtado e Daniel da Silva Vieira elaboraram o artigo “Ecología urbana y control poblacional de animales domésticos” (“Ecologia     urbana e controle populacional de animais domésticos”, na tradução), publicado na Revista Enviromental Smoke, v. 1, n. 1, de 2018, periódico associado da ABEC.

O trabalho busca apresentar a importância da ecologia urbana para a gestão ambiental e o controle populacional de animais domésticos. Cita os problemas de saúde pública e a ameaça à fauna nativa por conta da superpopulação de, principalmente, gatos e cachorros. 

A conclusão é de que é necessária a adoção de uma gestão pública responsável, com treinamento de agentes públicos, observação e cuidados do meio ambiente nos centros urbanos. Consequentemente, auxilia-se o bem-estar dos animais domésticos. Assim, é possível tornar as cidades equilibradas e em harmonia, para beneficiar o convívio dos bichos domésticos, silvestres e/ou exóticos.

Tadeu Nunes (4toques comunicação)
comunicacao@abecbrasil.org.br

Sobre Leandro Rocha

Veja também

A road in the middle of a sugar cane field on a sunny day with a mountain in the back

Dados de produtividade no âmbito do mapeamento da produção de cana-de-açúcar

O mapeamento das plantações de cana-de-açúcar ainda não tem sua produtividade divulgada em escala tão ...

//analytics natashaprimati@gmail //analytics natasha@abecbrasil