quarta-feira , 22 de setembro de 2021
Home / Todas as Notícias / Acontece / ABEC Brasil lamenta morte do jornalista Maurício Tuffani

ABEC Brasil lamenta morte do jornalista Maurício Tuffani

A Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC Brasil) lamenta profundamente a morte do jornalista Maurício Tuffani, nesta segunda-feira, 31/5. Ele deixa uma imensa contribuição para o jornalismo científico e sua ausência representa uma grande perda para editores e pesquisadores.

Tuffani tinha mais de 30 anos de experiência na imprensa escrita. Entre outros cargos, foi assessor-chefe de Comunicação da Unesp e fundador e diretor editorial da Revista Unesp Ciência. Recentemente, estava envolvido no novo projeto editorial do Jornal Unesp.

O jornalista também era editor de um site chamado Direto da Ciência (análise, opinião e jornalismo investigativo). O foco da publicação – como consta na descrição do próprio periódico – não era divulgar as novidades científicas e as demais notícias que normalmente são veiculadas pela imprensa em geral, “mas as decisões políticas, os bastidores, os conflitos internos e a exposição de temas de interesse público que em geral permanecem em nível restrito nos círculos acadêmicos e nos meios governamental e não governamental nas áreas de ciência e cultura, meio ambiente e ensino superior”.

No site, Tuffani publicava artigos sobre acesso aberto e editoras predatórias, mas também teve análises suas publicadas na Folha de S. Paulo sobre revisão por pares e plágio, por exemplo.

Sua trajetória

Maurício Tuffani Começou na imprensa em 1978, depois de trabalhar como professor de matemática e física no ensino médio. Foi repórter e editor de Ciência na Folha de São Paulo e teve passagens por outros jornais, entre eles o Jornal da Tarde e O Estado de S. Paulo.

Foi ainda redator e editor-chefe da revista Galileu, fundador e diretor editorial da revista Unesp Ciência e editor-executivo do portal PNUD Brasil (do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento). Atualmente era editor-chefe do site Direto da Ciência.

Também atuou na direção da comunicação institucional de órgãos públicos do Estado de São Paulo, como o Instituto Florestal da Secretaria do Meio Ambiente. No nível federal, trabalhou durante a Assembleia Nacional Constituinte (1987-1988), ligado à Subcomissão de Saúde, Seguridade e Meio Ambiente.

Na academia, foi professor convidado do Labjor (Laboratório de Estudos Avançados de Jornalismo Científico), na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), e do Núcleo José Reis de Divulgação Científica da Escola de Comunicação e Artes, na USP (Universidade de São Paulo).

Tuffani foi palestrante convidado dediversos eventos da ABEC Brasil. Nosso respeito e admiração a esse profissional que foi um incansável defensor da ciência e da importância de torná-la cada vez mais acessível. A ABEC se solidariza com os familiares e amigos neste momento de despedida.

Tuffani

Sobre Leandro Rocha

Veja também

Marca ABEC Completa

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA AS ELEIÇÕES DA DIRETORIA E DO CONSELHO DELIBERATIVO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDITORES CIENTÍFICOS – ABEC BRASIL

O Presidente da ABEC Brasil, em conformidade com seu Estatuto, determina o Calendário Eleitoral e ...

//analytics natashaprimati@gmail //analytics natasha@abecbrasil